segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Trilha da Praia do Saquinho com almoço no Bar do Quirino

A ilha de Santa Catarina é bela por natureza, porém muitos refúgios ainda são pouco explorado pelos moradores e turistas.
No último feriado fomos conhecer a Cachoeira da Praia da Solidão e aproveitamos a oportunidade para fazer a Trilha da Praia do Saquinho e já almoçamos por lá.

Passando pelo bairro Açores já visualizamos as coloridas plaquinhas de identificação.
Deixamos o carro em um estacionamento particular e fomos a pé até a praia da Solidão dar uma olhadinha no mar e seguimos ao nosso primeiro destino que seria a Trilha da Cachoeira (cerca de 15 minutos de trilha). Vale a pena conhecer. Paramos para algumas fotos e também para curtir a beleza da cachoeira e seguimos rumo à Praia do Saquinho.
Após uns 30 minutos de caminhada por trilha  de concreto chegamos a uma das praias mais lindas de Floripa. A trilha é bem íngreme, mas de nível fácil. Como recompensa, o mar nos aguardava com toda a sua beleza paradisíaca, refletindo o céu azul sem nuvens em contraste com o verde do morro que cerca a areia branca e limpinha .A praia estava vazia, assim que chegamos tivemos a sensação de estar numa praia particular, pois não havia mais ninguém além de nós. Pouco depois começaram a chegar outras pessoas.

No pequeno vilarejo pouco habitado não chega energia elétrica. Ao chegarmos nos deparamos com o sossego e a tranquilidade que gostaríamos.
Após atravessarmos a ponte do riacho chegamos ao pequeno vilarejo, com poucas casas e o Bar do Quirino.
O Bar do Quirino é bem simples, porém o visual deixa qualquer pessoa de queixo caído. As poucas mesas são espelhadas de modo que todos consigam ver o mar.

Fizemos nosso pedido: marisco a vinagrete de entrada, uma porção de peixe do dia frito (1/2 de peixe vermelho e metade ½ de tainha) e batata frita para acompanhar.

Para beber, 2 cervejas e uma água.

Nossa conta fechou em R$54,00. Estávamos em duas pessoas e comemos muito bem. Comida simples, mas bem fresquinha e caseira. Não sou muito fã de batata frita, mas quando é batata frita caseira eu não abro mão e como até não poder mais.

Comer um peixe frito fresquinho com limão assistindo esse moldura paradisíaca sem pressa não tem preço.
                                                    Heloisa



Praia do Saquinho
Florianópolis, SC